Fábio Felippe espanca sua esposa e é indiciado por tentativa de feminicídio (IMAGEM FORTE) - Baixada Viva Notícias

Responsivo após foto post

Fábio Felippe espanca sua esposa e é indiciado por tentativa de feminicídio (IMAGEM FORTE)

Compartilhe
Empresário Fábio Tuffy é indiciado por tentativa de feminicídio no Rio
GloboNews em Ponto

O empresário Fábio Tuffy Felippe foi indiciado por tentativa defeminicídio por suspeita de agredir a esposa com socos e chutespor três horas em 21 de dezembro do ano passado. 



Ele é filho do presidente da Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro, Jorge Felippe e foi denunciado pela família da esposa.

O rosto da mulher ficou completamente desfigurado. O crime aconteceu na residência do casal. 

A vítima não chegou a fazer exame de corpo de delito no Instituto Médico-Legal (IML) mas, com os depoimentos de testemunhas e informações do prontuário médico, a delegada responsável pelas investigações concluiu que a sessão de espancamento foi uma tentativa de feminicídio.



A vítima ficou uma semana internada. Um dos principais depoimentos é da mãe da jovem. Ela disse aos policiais que a filha vinha sendo vítima de violência doméstica há anos sem nunca formalizar um registro de ocorrência. 

Ela contou que a mulher também nutria o desejo de se separar em razão do comportamento ciumento e possessivo de Fábio Felippe.

Fábio Tuffy Felippe não teria aceitado o fim do relacionamento, segundo a Polícia Civil. O vereador Jorge Felippe (MDB) se manifestou em vídeo postado em uma rede social contra o ato que teria sido cometido pelo filho.

"Quem pratica violência tem que responder pelo ato", disse o vereador. "Com tristeza tive conhecimento pelas redes sociais desse ato de violência cometido pelo meu filho contra sua companheira", afirmou. 



"Não foram esses os ensinamentos que nós passamos. Tenho esposa, filhos, netos, bisnetos. Não quero violência para eles. Tampouco quero violência para quem quer que seja", destacou o vereador.

O empresáriochegou a ser preso no mês passado,mas ficou somente uma semana na cadeia. Fábio Tuffy Felippe está proibido pela Justiça de se aproximar da vítima e de familiares dela. 

O inquérito já foi encaminhado ao Ministério Público. Os promotores vão decidir se apresentam a denúncia contra o empresário. A pena máxima prevista para o crime é de 20 anos de cadeia.







Via G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responsivo final texto

Pages