Motorista de aplicativo morre ao ser baleada no RJ - Baixada Viva Notícias

Responsivo após foto post

Motorista de aplicativo morre ao ser baleada no RJ

Compartilhe



No local errado, na hora errada. Danúbia Lima dos Santos Batista, de 38 anos e motorista de transportes de uma plataforma eletrônica, perdeu a vida ao ser atingida por uma bala perdida este sábado, em Guadalupe, na zona norte do Rio de Janeiro.

A mulher transportava duas passageiras quando começou um tiroteio entre a polícia e criminosos, de acordo com o site de notícias G1.


De acordo com fontes policiais, dois suspeitos acabaram detidos no confronto. Um terceiro suspeito conseguiu fugir para o interior de uma favela próxima do local.

Já este domingo, a Polícia Militar esclareceu que os polícias envolvidos no tiroteio estavam a patrulhar a estrada onde ocorreu o tiroteio (Estrada do Camboatá) e que, após o roubo de um carro iniciaram o confronto com os suspeitos.

A mulher atingida ainda chegou a ser transportada para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos.


A imprensa brasileira recorda que este incidente aconteceu no mesmo local onde o músico Evaldo Rosa morreu, em abril deste ano, depois de o carro onde seguia ter sido atingido com 80 tiros. 

O caso aconteceu em setembro e gerou uma onda de indignação da população contra a violência na região do Rio de Janeiro, onde traficantes e Polícia Militar protagonizam uma guerra sem fim à vista e que a cada dia que passa atinge mais inocentes.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responsivo final texto

Pages