Casal é preso por envolvimento na morte de sócio em pizzaria de Nova Iguaçu - Baixada Viva Notícias

Responsivo após foto post

Casal é preso por envolvimento na morte de sócio em pizzaria de Nova Iguaçu

Compartilhe
Marcella Christina Lopes de Mesquita e o namorado Rodrigo Nunes de Almeida - Reprodução




Agentes da 58ª DP (Posse) prenderam, nesta quinta-feira, Marcella Christina Lopes de Mesquita, de 35 anos, e Rodrigo Nunes de Almeida, 27, suspeitos de envolvimento na morte de Douglas Faria Machado. Marcella era sócia de Douglas em uma pizaria de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.


Douglas foi alvo de um ataque a tiros na noite do dia 21 de fevereiro no bairro Rancho Novo. 

Ele ficou 15 dias internado no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes (Saracuruna), em Duque de Caxias, até vir a óbito no último dia 6.


De acordo com a Polícia Civil, o ataque contra Douglas foi tramado pelo casal, após Marcella ter tido divergências com o sócio, por causa da administração da pizzaria. 


A vítima também já teria tido se desentendido com Rodrigo.

Douglas Faria Machado ficou 15 dias internado após ser baleado em um ataque a tiros - Arquivo Pessoal

Ainda segundo a polícia, depois da morte de Douglas, Marcella passou a exigir que a família dele entregasse pertences da pizzaria, "sem respeitar um tempo razoável, demonstrando total falta de compaixão". 

Ela chegou a enviar dois motociclistas à casa da vítima para pegar o material.

Rodrigo já havia sido preso por roubo e tráfico de drogas. 

Agora, ele e a namorada vão responder por homicídio qualificado. 

Contra eles, havia um mandado de prisão temporária em aberto pela morte de Douglas, expedido pela Justiça na quarta-feira.



Via Meia Hora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responsivo final texto

Pages