Mãe de criança morta por trans Suzy desabafa: ‘Nunca ninguém veio aqui me dar um abraço’ - Baixada Viva Notícias

Responsivo após foto post

Mãe de criança morta por trans Suzy desabafa: ‘Nunca ninguém veio aqui me dar um abraço’

Compartilhe


Nesta segunda-feira, 9 de março, o programa Alerta Nacional, da RedeTV!, decidiu ir atrás da família do menino morto por Suzy. 


A presa trans ficou nacionalmente famosa, após o programa Fantástico, da TV Globo, mostrar como ela vive na cadeia. 


Sem contar o crime da presa, Drauzio Varella, que conduzia a reportagem, perguntou quanto tempo Suzy estava sem receber visitas. 

Ela disse que há quase 8 anos e recebeu um caloroso abraço do “médico-repórter”. 

No entanto, o crime de Suzy somente foi descoberto dias depois. 


O programa comandado por Sikêra Júnior decidiu ir atrás da família que perdeu um ente querido nas mãos da trans mostrada pelo Fantástico. A mãe de Fábio, 


Aparecida dos Santos, contou que há 10 anos não pode dar um abraço no filho. 

O garotinho, quando tinha 9 anos de idade, foi abusado sexualmente e morto por Suzy. 

Ela ainda teria escondido o corpo da criança. 

Aparecida lembrou que, durante esse período, nunca ninguém foi atrás dela, ninguém lhe mandou cartas, ou enviou bombons. 

O caso da presa trans teve tanta repercussão que chegou-se a fazer até mesmo uma vaquinha para ajudar a entrevistada. 

O repórter do Alerta Nacional acabou dando um abraço na entrevistada dizendo que ela sim merecia ser abraçada pela sociedade “de bem’. O gesto comoveu a internet. 

Veja abaixo o vídeo da mãe da criança morta por Susy, quando ela diz que nunca ninguém foi até lá dar um abraço nela:





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responsivo final texto

Pages