Presos filmam alagamento nas celas da cadeia de Bangu e reclamam de 'humilhação' - Baixada Viva Notícias

Responsivo após foto post

Presos filmam alagamento nas celas da cadeia de Bangu e reclamam de 'humilhação'

Compartilhe




Presos do Complexo de Gericinó, em Bangu, usaram, na noite deste domingo, celulares para filmar o alagamento de uma das celas que eles ocupam no complexo prisional da Zona Oeste do Rio. 


A gravação aconteceu no Instituto Penal Benjamim De Moraes Filho, que recebe presos do regime semi-aberto.

No vídeo, os presos reclamam do alagamento. "Olha a situação da cadeia, a humilhação que a gente passa", fala, um deles, que não aparece nas imagens.

Procurada, a Secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap) disse que as celas foram inundadas por causa do forte volume de água que caiu sobre a região. 


Bangu foi uma das áreas mais atingidas pelo temporal do fim de semana. 

"Os presos foram realocados para outras celas da mesma unidade e a situação no local já está normalizada", afirmou a Secretaria.

Sobre o fato de um detento usar o celular na cadeia, a Seap informou que..

.."os internos que realizaram a gravação foram identificados e aparelhos celulares foram apreendidos. Os apenados foram isolados, preventivamente, e sofrerão sanção disciplinar".


Neste domingo, quando ainda chovia na cidade, as visitas no Complexo de Bangu foram suspensas. 


Na ocasião, a Seap informou que a medida foi tomada para preservar a integridade física dos visitantes e possibilitar alguns reparos necessários por conta do volume de água que afetou o local.

Parentes de internos chegaram a se manifestar contrária à paralisação, na porta da unidade. 

A visitação segue normal nesta segunda, dia de visitas no Benjamim de Moraes Filho.

"É importante esclarecer que, com o objetivo de normalizar a situação no Complexo, a Seap está tomando todas as providências cabíveis desde o início da madrugada de ontem para preservar a segurança do local, bem como das pessoas que ali se encontram, sejam presos, visitantes ou funcionários. 


Equipes continuam realizando a limpeza no local", a pasta reforçou.






Via O Dia


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responsivo final texto

Pages