MP-RJ denuncia Eduardo Paes por corrupção e lavagem de dinheiro; foi cumprido mandado de busca e apreensão na casa do ex-prefeito - Baixada Viva Notícias

Responsivo após foto post

MP-RJ denuncia Eduardo Paes por corrupção e lavagem de dinheiro; foi cumprido mandado de busca e apreensão na casa do ex-prefeito

Compartilhe





O ex-prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes (DEM) foi denunciado hoje pelo MP-RJ (Ministério Público do Rio) por corrupção, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica. 

Paes é pré-candidato nas eleições municipais a serem realizadas em novembro e deve ser um dos rivais mais fortes do atual prefeito, Marcelo Crivella (Republicanos), que tenta a reeleição.


De acordo com informações dadas pela GloboNews, a denúncia foi oferecida pelo MP-RJ por meio do Gaecc (Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção) e aceita na Justiça Eleitoral pelo juiz Flávio Itabaiana. 




O magistrado é o mesmo que decretou a prisão de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro.

Por conta da denúncia, foi cumprido hoje um mandado de busca e apreensão na casa de Paes. Além dele, mais quatro pessoas investigadas se tornaram réus com a denúncia aceita pela Justiça Eleitoral. 


A decisão, porém, não torna o ex-prefeito inelegível para a eleição municipal.

Em março deste ano, Paes já se tornou réu por causa de outra investigação, mas no MPF (Ministério Público Federal). 

O ex-prefeito é investigado por suposto direcionamento na licitação de construção do Complexo Esportivo Deodoro Norte para a Olimpíada do Rio-2016. 

Ele foi denunciado por corrupção passiva, fraude em licitação e falsidade ideológica.

Eduardo Paes foi prefeito do Rio por dois mandatos, entre 2009 e 2016. 

Na última eleição para o estado, em 2018, Paes foi ao segundo turno, mas perdeu para Wilson Witzel (PSC), governador que foi afastado do poder há mais de uma semana.



Via Uol

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responsivo final texto

Pages