Bandido que matou covardemente policial militar na Casa & Vídeo de Mesquita é preso - Baixada Viva Notícias

Responsivo após foto post

Bandido que matou covardemente policial militar na Casa & Vídeo de Mesquita é preso

Compartilhe


Jonathan Santos Targino, de 23 anos, suspeito de atirar e matar o Policial Militar, Cabo Cardoso, que tentava evitar um assalto a loja da Casa & Vídeo, na última sexta-feira (4) em Mesquita, na Baixada Fluminense. 





Ele quem teria dado cobertura para que os criminosos praticassem o roubo. 

No dia do crime, agentes já haviam prendido Jhonny Silva Quirino, que aparece junto com Targino em imagens da câmera de segurança do estabelecimento no momento do assassinato. 

Ele foi localizado em um esconderijo na Vila Kennedy, Zona Oeste da cidade.

Na sexta-feira (06), O cabo Derinalto Cardoso dos Santos, de 34 anos, foi surpreendido e foi alvejado com tiros a queima roupa na cabeça.





Um sentimento de justiça tomou conta das redes sociais neste fim de semanas.

Diversas páginas do facebook e do instagram em total apoio ao policial morto em Mesquita, não descansaram enquanto o marginal não foi preso.




Cabo Derinaldo foi enterrado sob forte comoção neste sábado na capela 6 do cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, na Zona Oeste. 

Ele deixou a esposa e dois filhos.












Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responsivo final texto

Pages