'Quando se tem a verdade e Deus ao seu lado, ninguém nos atinge', diz Bolsonaro sobre Moro

junho 19, 2019




O presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse que ele e seus ministros se tornaram “alvo compensador para inimigos”. 

A fala do presidente se dá justamente na semana em que o ministro da Justiça, Sergio Moro, prestou esclarecimento ao Senado sobre o vazamento ilegal de suas conversas com o procurador da República, Deltan Dallagnol.

“Nós passamos a ser alvos compensadores para inimigos. Então atirar em vossa excelência, para os inimigos, é motivo de satisfação. Mas quando se tem a verdade e Deus ao seu lado, ninguém nos atinge”, disse Bolsonaro.

A declaração foi dada durante cerimônia no Palácio do Planalto, nesta segunda (17), na qual o presidente e Sérgio Moro sentaram-se um ao lado do outro. 

Bolsonaro fez questão de prestar elogios ao ministro, principalmente sobre os trabalhos realizados por ele.

“Eu acho que o Sergio Moro não é muito de jogar futebol não, né?”, brincou o presidente. Após um sinal negativo do ministro com a cabeça, o presidente disse que “O Sergio Moro está fazendo hoje mais um gol de bicicleta do meio do campo”.

O termo “alvo compensador” é usado com frequência pelo ministro do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno, um dos principais conselheiros de Jair Bolsonaro. 

O ministro é general da reservado do Exército e constantemente sai em defesa do presidente da República.




COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

LEIA OUTRAS MATÉRIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

PRÓXIMA
Next Post »